pao de abobora

Pão de abóbora

Print Friendly, PDF & Email

Maravilhoso pão de abóbora! Tem coisa melhor do que cheirinho de pão pela casa? Melhor que isso só uma fatia quentinha com manteiga por cima e um café fresquinho. Difícil quem não goste dessa combinação. Mas quando o assunto é preparar um delicioso pão, há quem diga que é complicado.

Existe uma infinidade de tipos de pães: com fermento fresco, seco, levain e até mesmo sem fermento. Eu fiz um curso a um tempo atrás de fermentação natural. O processo desse tipo fermento até a produção do pão, não é difícil, mas exige muita paciência e atenção. Não é à toa que o sabor e a textura ficam fantásticos!

café com pão de abóbora

Aqui em casa eu preparo mais com fermento biológico seco, faço toda a semana o clássico pão integral e congelo, assim vamos comendo esse pãozinho a semana toda. Geralmente, nos finais de semana é que eu preparo algum diferente. A receita que compartilho hoje é a do pão de abóbora. Ele fica fofinho, delicioso e com uma cor maravilhosa. Mas antes, vou resumir aqui as quatro etapas básicas para fazer o pão com fermento biológico:

A primeira é a mistura dos ingredientes. E aqui vale uma atenção a qualidade, principalmente de dois deles: a farinha e a água. Uma farinha com alto teor proteico, produz um pão que cresce bastante e com sabor mais acentuado. A farinha com teor mais baixo, produz um pão mais neutro e de volume menor. A água também é importante, se for mais ácida, enfraquece a rede de glúten e ao contrário, se for ligeiramente alcalina ela fortalecerá, ou se for muito mineralizada o pão ficará muito firme devido ao cálcio e o magnésio.

A segunda etapa é o trabalho da sova, onde vai ocorrer o desenvolvimento da rede de glúten. A terceira é o descanso que damos para massa crescer, ou seja, é o tempo que as leveduras vão trabalhar produzindo dióxido de carbono que enchem a massa de gás. A quarta e última é o processo de assar, na qual o pão vai criar uma textura firme e ganhar sabor.

Vamos colocar a mão na massa? A receita abaixo é fácil e fica muito saborosa!

Você vai precisar:

200 ml de leite morno
10 g fermento biológico seco
1 xícara de abóbora cabotiá cozida e amassada
1 ovo levemente batido
2 colheres de sopa de açúcar
½ colher de sopa de sal
40 g de manteiga em temperatura ambiente
4 xícaras de farinha de trigo

Como fazer: 

Em um bowl, coloque o fermento e o leite morno. Misture e reserve por uns três minutos. Em seguida, acrescente a abóbora, o açúcar, o ovo, o sal e uma xícara de farinha. Misture bem. Coloque a manteiga e mexa até ficar uma mistura homogênea. Por último, acrescente o restante da farinha.

Trabalhe bem a massa numa bancada até ficar lisa. Se a massa ficar muito mole, vá acrescentando farinha aos poucos. Ela desgruda das mãos, mas não fica firme demais. Cubra a massa com um pano limpo e deixe descansar por 10 minutos.

Em seguida, faça o formato do pão e   coloque numa forma untada com azeite. Eu fiz duas formas, uma de 19 e outra de 21 cm. Deixe crescer até dobrar de tamanho. Leve ao forno a 180 graus, não precisa estar aquecido, por mais ou menos 35 minutos ou até que fique dourado.

No Comments

Leave a Comment

*