Torta de mousse de morango no aniversário do blog

Torta de mousse de morango com cobertura de ganache de chocolate meio amargo

Mais um ano aqui dividindo com vocês um pouco da minha cozinha. Ontem o blog completou três anos. E não podia faltar bolo para comemorar. Preparei uma torta de mousse de morango com ganache de chocolate. Receita que aprendi na faculdade. Esse preparo parece ser complicado, mas não é. São três etapas: massa, mousse e cobertura. O que dá mais trabalho é a mousse. Mas também podemos dividi-la em três passos: polpa com gelatina, merengue e creme batido. Fazer essa torta em etapas fica mais fácil e com certeza vale o resultado.

Estou muito feliz por mais esse ano recheado de novas receitas, novos amigos, de trabalhos e comidas maravilhosas. Obrigada a cada um de vocês por tornar meu blog ainda mais especial.

Detalhe do interior da torta de mousse de morango com cobertura de ganache de chocolate meio amargo

Você vai precisar:

Massa:

180 g de bolacha maisena

80 g de manteiga

2 colheres de sopa de açúcar impalpável

1 colher de sopa de cacau em pó

Mousse de morango:

250 g de polpa de morango

250 ml de creme de leite fresco gelado

7 g de gelatina sem sabor

35 ml de água para hidratar a gelatina

2 claras

160 g de açúcar refinado

50 ml de água para a calda

Ganache:

200 g de chocolate meio amargo

200 ml de creme de leite fresco

Como fazer:

Base de biscoito e chocolate para a torta de mousse de morango Eu usei dois aros – um de 13 e outro de 15 cm. Mas pode ser feito em um só de 24 cm. Se fizer em forma, que ela seja de fundo removível. Se for em aros, coloque plástico filme para fazer a base.

Massa: Em um processador, coloque a bolacha, a manteiga, o açúcar e o cacau. Triture tudo até formar uma farofa. Coloque a massa na forma e com uma colher pressione para compactá-la, deixando-a com um centímetro de altura. Leve ao forno a 200 graus por 12 minutos. Retire e deixe esfriar.

Mousse:

Gelatina hidratada e dissolvida: Coloque a água na gelatina e em seguida coloque no micro-ondas por 15 segundos. Adicione a gelatina na polpa de morangos. Reserve.

Creme de leite em meio ponto: Coloque o creme de leite fresco em um bowl. Com um fouet bata por mais ou menos três minutos. Ele ganha uma leve consistência, mas não chega a ficar chantilly. Reserve na geladeira.

Merengue italiano: Em uma panela pequena, coloque o açúcar e a água. Leve ao fogo sem mexer até formar uma calda. Ponto certo: quando atingir 118 graus. Se você não tiver termômetro, faça o teste colocando um pouco da calda em um copo com água. Se ela ficar com consistência de uma bala mole, está pronta. Quando a calda começar a ferver, você liga a batedeira para bater as claras em neve. Com a batedeira ligada, acrescente a calda em forma de fio. Bata até você sentir que o bowl da batedeira está frio.

Preparo do mousse de morangoFinalizando a mousse: Em um bowl grande, coloque a polpa de morango e, em seguida, o merengue. Mexa delicadamente. Por último coloque o creme de leite batido. Mexa sempre com movimentos suaves.

Ganache: Em uma panela pequena, coloque o creme de leite e leve ao fogo. Quando começar a ferver, desligue. Acrescente o chocolate picado e mexa até obter uma cobertura homogênea.

Preparo da ganache de chocolate para a cobertura da torta de morangoMontagem da torta: Mantenha a base de massa de biscoito dentro da forma ou no fundo do aro. Acrescente a mousse e leve à geladeira por no mínimo quatro horas. Retire da geladeira e desinforme a torta. Coloque a ganache fria por cima e decore com morangos. Ela deve ser mantida na geladeira até a hora de servir.

 

Pão integral

Pão-integral

Pão feito em casa é tudo de bom. Faz uns quatro meses que eu não compro pão em padaria para o nosso dia a dia. Comecei a fazer pães pequenos e congelar. No café da manhã eu tiro do freezer e descongelo rapidinho. Muito prático e mais saudável. Sem contar no cheirinho de pão delicioso que fica pela casa.

Pão-integral-caseiro

A receita de hoje é uma adaptação do pão de leite do livro Panelaterapia. Já fiz este pão várias vezes. Fui alterando os ingredientes, as proporções e o modo de fazer até chegar nesta receita. Aqui eu coloquei três xícaras de farinha integral para duas de farinha branca. Fica bom também duas xícaras e meia de cada.

Fiz as bolinhas de 85 gramas cada e rendeu 11 pães.

Você vai precisar:

250 ml de leite morno

2 ovos

2 colheres de sopa de açúcar

30 ml de óleo

½ colher de sopa de sal

10 g de fermento biológico seco

3 xícaras de farinha de trigo integral

2 xícaras de farinha de trigo branca

Como fazer:

Em um bowl, coloque o fermento, o leite e o açúcar. Com um fouet mexa bem até o fermento desmanchar.  Acrescente os ovos, o óleo, o sal e misture bem. Por últimoPão-integral-caseiro- adicione as farinhas. Sove até obter uma massa homogênea e que desgrude das mãos. Deixe descansar por 10 minutos. Em seguida, faça as bolinhas de mais ou menos 85 gramas. Coloque-as em uma forma e deixe crescer por 45 minutos ou até dobrar de tamanho. Leve ao forno a 200 graus, não precisa estar aquecido, por 25 minutos.  Para saber o ponto, bata no fundo do pão e se fizer um som oco é que está bom.

Bolo de capim-santo e gengibre

Bolo-capim-limão

Todo sábado de manhã, acordamos cedo e vamos ao Ceasa.   Programa que eu e o Daniel adoramos fazer. Quanto mais cedo chegamos, menor o movimento e melhor a qualidade dos produtos. Além das compras normais para a semana, aproveito para comprar algum produto que eu nunca comi ou preparei. Os últimos que eu comprei foram: acelga japonesa, bardana, erva-doce e uma salada verde meio amarguinha, de nome estranho que não consigo lembrar agora.

Bolo-capim-limão-cortado

No último sábado, comprei um maço de capim-santo orgânico. Cheirinho bom que me lembra a casa da minha avó. Adoro chá dessa planta. Ela também é conhecida como capim-limão ou capim-cidreira. Hoje, fiz um bolinho de capim com gengibre. Adaptei a receita do bolo de laranja que eu já postei aqui no blog. Mais um bolo perfeito e delicioso acompanhado de um chazinho nesta tarde fria de domingo.

 

Bolo de capim-santo com gengibre

Bolo-capim-santo

Você vai precisar:

100 g de manteiga em temperatura ambiente

2 ovos em temperatura ambiente

1 xícara de açúcar

1 ½ xícara de farinha de trigo

1 colher de chá de fermento químico

½ xícara de leite

½ xícara de capim-santo picado

1 pedaço pequeno de gengibre fresco

gengibre ralado a gosto

1 folha de capim-santo picada

¼ de colher de chá de sal

manteiga e farinha para untar

Como fazer:

Em uma panela pequena, coloque o leite para ferver junto com o capim-santo e um pedacinho de gengibre. Assim que começar a ferver, desligue o fogo e tampe a panela. Bolo-capim-limão-fatiaQuando estiver frio, passe o leite por uma peneira. Reserve. Unte com manteiga uma forma pequena e polvilhe farinha, retire o excesso e reserve. Na batedeira, bata a manteiga e o açúcar até obter uma massa branca e fofa. Coloque as raspas de gengibre e a folha de capim-santo picadinha. Adicione os ovos um a um e bata bem a cada adição. Em seguida, com a batedeira desligada, coloque a farinha, o fermento, o sal e o leite. Ligue novamente a batedeira até obter uma massa homogênea. Coloque a massa na forma e asse em forno preaquecido a 180 graus por 50 minutos.

Salmão com chutney de maracujá

Salmão-chutney-maracujá

A semana começou com festa aqui em casa. Para comemorar o aniversário do Daniel nesta segunda-feira, preparei um almoço todo especial. Salmão com chutney de maracujá e cuscuz marroquino. A combinação do prato ficou excelente. Preparei o cuscuz com cebola, damasco, uvas-passas e nozes. O chutney ficou ótimo. Ele vai diminuindo a acidez conforme vai cozinhando. O preparo do salmão foi muito simples, na frigideira com azeite.

Comidinha boa feita com muito carinho num dia todo especial!

Salmão-chutney-de-maracujá

Você vai precisar:

400 g de salmão sem pele

tomilho

sal grosso

pimenta-do-reino

lemon pepper

azeite de oliva

Chutney de maracujá

½  cebola picada

3 maracujás médios

¾ de xícara de açúcar

1 colher de sopa de vinagre

½ xícara de água

1 colher de sopa de gengibre fresco ralado

3 ramas de canela

3 cravos

2 bagas de cardamomo (só as sementes)

½  pimenta dedo de moça sem semente

1 colher de sopa de azeite de oliva

Como fazer:

Chutney: Em uma panela de fundo grosso, refogue a cebola e a pimenta no azeite. EmChutney-de-maracujá seguida, coloque o vinagre e o açúcar. Mexa até o açúcar desmanchar. Acrescente as polpas dos  maracujás, a água, o gengibre, a canela, o cardamomo e o cravos. Cozinhe em fogo baixo até reduzir e ficar um molho espesso. Eu cozinhei por 30 minutos. Mexa de vez em quando para não grudar no fundo da panela.

Salmão: No pilão, amasse o sal, o tomilho e a pimenta. Acrescente o lemon pepper. Tempere bem todos os lados do salmão. Em uma frigideira grande, coloque um pouco de azeite, quando tiver aquecido, coloque o salmão. Frite-o até ficar dourado. Para enfeitar o prato, usei alho-poró frito.

 

Cookies de banana com aveia

cookie-banana-aveia

Há uma semana eu recebi de presente do meu primo Léo o livro da Tatiana Romano, o Panelaterapia. Livro lindo publicado pela editora Belas Letras.   Ontem à tarde preparei os cookies de banana com aveia. A receita é excelente, fácil e uma delícia. Preparei a quantidade que dizia a receita e rendeu nove biscoitinhos. Comi tudo logo que tirei do forno acompanhado de um cafezinho. Voltei e preparei outra, dessa vez, não usei a essência de baunilha nem o óleo e acrescentei chia e farelo de aveia. Ficou ótimo também.

cookie-de-banana-aveia

Você vai precisar:

1 banana média

2 ameixas secas

5 colheres de sopa de aveia em flocos

1 colher de café de óleo

5 gotas de essência de baunilha

1 colher de café de mel

Como fazer:

Em um prato, amasse a banana e as ameixas. Em seguida, coloque a aveia, o óleo, o mel e a essência de baunilha. Misture bem. Com ajuda de duas colheres, faça bolinhas e coloque-as em uma forma untada com manteiga. Eu usei o  tapete de silicone. Leve ao forno preaquecido a 200 graus por 15 a 20 minutos.

 

Pão Petrópolis integral

Pão-petropolis-integral

Casa com cheirinho de pão é sempre muito bom. Ontem preparei um pão Petrópolis integral. Esse pão é igual ao pão de forma, o que muda é o formato. Já testei fazê-lo somente com farinha integral e não achei bom, o pão ficou pesado demais e não cresceu quase nada. Ontem coloquei um pouco de farinha branca e o pão ficou leve e muito gostoso. O nosso café da manhã hoje estava delicioso acompanhado desse pãozinho.

Essa receita rende um pão pequeno.

pão-petropolis-integral.

Você vai precisar:

250 g de farinha de trigo integral

150 g de farinha de trigo branca

10 g fermento biológico seco

300 ml de água morna

1 colher de sopa de leite e pó

½ colher de chá de vinagre

1 colher de sopa de azeite de oliva

1 colher de chá de sal

Como fazer:

Em uma tigela, coloque a água, o fermento, o azeite. Misture para dissolver omassa-pão-petropolis-integral fermento. Em seguida, acrescente o vinagre, as farinhas, o sal e o leite em pó. Amasse até obter uma massa homogênea e lisa. Deixe descansar por 10 minutos. Em seguida, faça o formato do pão e coloque na forma. Cubra com um pano ou deixe dentro do forno para crescer até dobrar de volume. Asse em forno preaquecido a 200 graus por 45 minutos.

Bolo de abóbora com coco

Bolo-de-abobora-coco

Uma das coisas que me deixa muito feliz é um bolo saindo do forno para acompanhar um cafezinho. Essa semana tinha separado um pedaço de abóbora para fazer um creme salgado com leite de coco. Demorei para fazer o creme e os pedaços de abóbora viraram um bolo perfeito. Queria um bolo pequeno, por isso reduzi bem a quantidade dos ingredientes.  Usei farinha de arroz integral, mas pode ser feito com a farinha de trigo branca.

A receita é muito simples e o bolo fica maravilhoso!

bolo-abobora-coco

Você vai precisar:

1 xícara de abóbora cabotiá (cortada em pedaços pequenos)

½ xícara de leite de coco

1 ovo

¼ de xícara de óleo

½ xícara de açúcar mascavo

1 xícara de farinha de arroz integral

1 colher de chá de fermento químico

3 colheres de sopa de coco ralado sem açúcar

¼ de xícara de nozes picadas

1 pitada de sal

Como fazer:

Unte uma forma pequena e polvilhe uma colher de coco ralado. Reserve. No liquidificador, coloque a abóbora, o leite de coco, o açúcar, o ovo, a pitada de sal e o óleo. Bata até ficar uma mistura líquida e homogênea. Tire a mistura do liquidificador e coloque em uma tigela. Acrescente a farinha, as duas colheres de coco ralado, as nozes e o fermento. Misture bem.   Coloque a massa na forma e leve para assar em forno preaquecido a 185 graus por 40 minutos.

Batata-doce crocante no forno

Batata-doce-assada-

Prato fácil,  simples e maravilhoso! Para acompanhar nosso almoço de ontem, fiz batata-doce no forno. As medidas não são exatas, você tempera as batatinhas o tanto que quiser e também pode acrescentar mais ervas. Eu usei sal rosa, tomilho e alho desidratado, mas pode ser com alho fresco também. As batatinhas ficaram lindas e deliciosas!

Batata-doce (2)

Você vai precisar:

batata-doce

sal

tomilho

alho desidratado

azeite

Como fazer:

Em um pilão, coloque o sal, o alho e o tomilho. Bata bem.  Descasque as batatas eBatata-doce corte-as em pedaços médios. Em uma assadeira, coloque as batatas, acrescente um fio de azeite e o tempero. Com uma colher, misture bem para que todos os pedaços fiquem com tempero. Leve ao forno preaquecido a 200 graus. Depois de 20 minutos, retire a assadeira e vire as batatas. Volte ao forno por  mais dez minutos.

Bolo de laranja com farinha de arroz

Bolo-de-laranja-farinha-de-arroz

Mais um bolo para acompanhar o cafezinho da tarde! Desta vez sem farinha de trigo. Não, eu não aderi alimentação sem glúten, estou apenas curiosa e testando a farinha de arroz. Eu adoro produtos preparados com esse tipo de farinha, mas sempre os comprei prontos. Na semana passada eu testei fazer um macarrão em casa com farinha integral de arroz e não deu muito certo. Hoje, resolvi fazer um bolinho simples no liquidificador. Agora sim. Ficou ótimo! Um bolo fácil, saboroso e leve!

Bolo-de-laranja

Você vai precisar:

200 ml de suco de laranja

raspas de uma laranja

3 ovos

½ xícara de óleo

1 ½ xícara de açúcar (usei demerara)

2 xícaras de farinha de arroz

½ xícara de amido de milho

1 colher de sopa de fermento químico

Como fazer:

Bolo-de-laranja-farinha-de-arroz.Unte uma forma de 22 cm e reserve na geladeira. No liquidificador, coloque os ovos, o suco de laranja, o açúcar e o óleo. Bata por um minuto.  Coloque a mistura líquida em tigela e acrescente as raspas de laranja, a farinha de arroz, o amido e o fermento. Mexa até obter uma massa homogênea. Coloque a massa na forma e leve ao forno preaquecido a 180 graus por 50 minutos.

Pastel de berbigão

Pastel-de-berbigão

Em nossa última viagem a Floripa, já fomos com a ideia de preparar pastel de berbigão. Para comprar um berbigão de boa qualidade, falei com a minha querida amiga Leslie, proprietária do Da Ilha Produtos Artesanais e criadora do famoso Pão Mané. Um dia após a nossa chegada à cidade, a Leli nos levou dois quilos de berbigão e nos presenteou com alguns pães. Ela prepara todos os pães com ingredientes frescos, orgânicos e integrais. Uma maravilha!

Dos dois quilos de berbigão, usei um em Floripa, onde eu e a Paula preparamos os pasteis com a massa comprada. Esse tipo de massa fica mais crocante  e dá um contraste com esse recheio, fica muito bom. E, o restante eu preparei aqui em Brasília para o Ricardo e a Lili que nunca tinham experimentado. Dessa vez eu fiz a massa em casa, fica mais macia. E o preparo do recheio  é bem simples e fica sensacional!

Pastel-berbigão

Você vai precisar:

Massa:

2 ovos

1 colher de sobremesa de sal

1 colher de sopa cheia de açúcar

3 colheres de óleo

1 colher de sopa de cachaça

225 ml  de água fervendo

farinha de trigo

Recheio:

1 kg  de berbigão limpo

2 cebolas picadas

4 dentes de alho picados

manjericão

azeite

sal

Como fazer:

Massa:  Numa tigela, coloque os ovos, o sal, a cachaça, o açúcar, o óleo e, por último, a água fervendo. Acrescente farinha até obter uma massa homogênea e bem firme. Abra a massa com um rolo ou um cilindro.

Pastel-berbigão.Recheio: Lave o berbigão seis vezes, isso ajuda a retirar bem toda a areia que ainda estiver nele. Escorra bem o excesso de água. Em uma frigideira grande, frite a cebola e o alho. Em seguida, acrescente o berbigão e tempere com sal. Refogue por cinco minutos. Desligue o fogo e acrescente folhas de manjericão picadas.